Dica

Situações constrangedoras e dúvidas frequentes para os noivos

 Olá pessoal,

Hoje é dia de desabafar, o assunto é sério e ao mesmo tempo cômico, a lista de casamento parece infinita e gera muito estresse para os noivos, até parece que tem parente brotando do nada. Com toda a loucura e corre corre de ordem do casamento, surgem muitas dúvidas e algumas pessoas fazem e dizem coisas que as vezes nos perguntamos se vale a pena mesmo responder . Esse post vai responder muitas dessas dúvidas, ele foi baseado em situações e perguntas frequentes que os noivos se fazem durante esse processo de organização. independente de qualquer coisa o meu conselho é, faça o que te faz feliz.

 

1) Festa de noivado: necessário ou só mais uma despesa?

Não é algo obrigatório, isso vai depender da vontade de cada casal, muitas vezes o casal é reservado e opta por não fazer nada, ou em fazer algo mais íntimo apenas entre eles dois, não há uma regra. A festa de noivado é uma excelente maneira de integrar sua família e seus amigos na sua festa de casamento. É lá que vocês vão anunciar o casamento, a data e mais algumas informações. Você deve convidar os amigos e familiares mais íntimos. Lembre-se de que no casamento você também deverá chamar estas pessoas, certo?

2) Se eu fui ao casamento de alguém, sou obrigado a convidá-lo para o meu?

A festa é sua e você convida quem você quiser. Isso pode parecer um pouco rude, mas a reciprocidade nesses casos não é obrigatória. Eles mesmos por terem se casado sabem o quanto é complexo lidar com a lista dos convidados. Se você sentir a necessidade de se justificar, explique que seu casamento terá uma lista restrita, apenas para familiares e amigos mais íntimos. Eles irão entender.

3) Meus pais querem que tenhamos um casamento tradicional, mas nós, definitivamente, não queremos. Como proceder?

Mais uma vez: É o SEU casamento e vocês devem fazê-lo da maneira que quiserem, mas sem nunca se esquecer de que também é um dia importante para os seus pais. Escute o que eles têm a dizer, principalmente se eles se propuseram a ajudar a pagar os gastos do casamento. Se vocês querem um casamento mais simples, sem muita pompa, converse abertamente com os seus pais, abra seu coração e explique. 

4) Algumas madrinhas estão reclamando dos gastos com vestido e tendo problemas com as cores. Como devo lidar?

Seja atenciosa. É provável que suas madrinhas só vão usar o vestido no seu casamento e por algumas horas, então não se chateie se elas estiverem preocupadas. Em relação às cores, coloque-as em contato umas com as outras e deixe que elas se entendam.

5) Devo convidar meu chefe ou colegas de trabalho, tenho medo de chateá-los. O que devo fazer?

Vocês não têm nenhuma obrigação de convidar seu chefe ou qualquer colega de trabalho para o seu casamento, neste caso, depende do grau de amizade que você tem junto a seus colegas. Não é porque você trabalha com várias pessoas, que possui a obrigação de convidar absolutamente todas elas, incluindo seu chefe. Sinta-se à vontade para chamar apenas aquelas com as quais estabeleceu algum vínculo, e que venham participando da vida do casal. Para evitar falsas expectativas ou chatear alguém, deixe claro para todos que seu casamento será pequeno, apenas para pessoas mais íntimas. torná-lo conhecido para seus colegas e chefe que seu casamento vai ser limitado a apenas familiares e amigos próximos. O fato de ninguém do trabalho ser convidado também ajuda a evitar que eles se sintam excluídos.

 

 Se decidiu convidar apenas alguns de seus colegas, procure entregar os convites diretamente em suas casas, pedindo discrição no ambiente de trabalho.

6) Convidamos um amigo e sua namorada nominalmente para o nosso casamento. Agora eles terminaram e meu amigo quer trazer outro acompanhante que sequer conheço. Posso dizer não?

Se você escreveu o nome dos dois no convite, nominalmente, ao invés de escrever Fulano e acompanhante, claro que você pode negar. Como regra geral, os convites são pessoais e intransferíveis quando as pessoas são convidadas pelo nome. Explicar que você não conhece esse possível convidado e que você preferia que seu casamento ficasse restrito às pessoas mais próximas.

7) Meus pais querem convidar amigos deles que não tenho nenhuma afinidade, o que devo fazer?

Outra questão delicada, principalmente se seus pais estiverem pagando a festa. Neste caso, você poderá ouvir a seguinte frase: eu estou bancando, então chamo quem eu quiser. E é isso mesmo, eles estarão cobertos de razão. Mas a coisa muda de figura se o casal é o responsável por todo o investimento, proporcionando a liberdade de escolher apenas os amigos com os quais possuam relações mais estreitas.

8) Qual é o meio mais educado de divulgar nossa lista de presentes de casamento?

É aquele velha polêmica de sempre… Coloco ou não coloco essa informação no convite ou em um minicard preso a ele? A verdade verdadeira é que apesar de muitos convidados acharem bem prático encontrar as lojas da lista de presentes no próprio convite, essa forma de divulgação não é a coisa mais bonita e simpática que existe. Tem muita gente por aí que afirma que esse hábito fere todos os princípios de etiqueta, pois pode parecer que que os noivos estão casando para poder ganhar presentes e compensar o dinheiro gasto na festa. Eu particularmente não defendo e não condeno, afinal de contas, cada casal sabe os convidados que tem. 

 9) Posso pedir dinheiro de presente? Preciso agradecer todos os presentes que ganhei?

Pedir dinheiro é aceitável dentro de algumas culturas, mas no Brasil pode ser deselegante. Entretanto, já existe uma maneira sofisticada de resolver isso, por meio de sites de casamento, no qual é possível criar listas de casamento virtuais, sempre optando por diferentes preços de presentes para caber no bolso de todos. É preciso agradecer todos os presentes, por menores que sejam, com o mesmo carinho que os seus convidados tiveram. No próprio site dos noivos é possível enviar um agradecimento para quem comprou algo da lista virtual.

10) Quais as principais dicas para definir a lista de convidados?

É importante ter, ao menos, uma estimativa da quantidade de convidados assim que começar a organizar, porque todos os serviços que serão orçados e contratados dependem disso. A sugestão é montar a lista por categorias: família, amigos próximos, faculdade, trabalho, etc. Assim, quando for preciso cortar alguém, fica mais fácil de localizar. Organize em uma planilha com o nome como será escrito no convite, quantidade de convidados de cada família, endereço e telefone de contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *