Fornecedores Fotografia

Escolhendo um fotógrafo

É muita expectativa para seu casamento! E sim, dá muito trabalho fazer tudo, planejar, escolher fornecedores, serviços, vestido, sapato, gravata, terno….e tudo tem que caber no bendito orçamento (não vou nem mencionar a lista de convidados….Oops falei…) Nada disso é tão simples, eu sei porque passei por isso, e hoje o assunto será sobre como eu achei meu fotógrafo. Olhando meu álbum de fotografia, a única coisa que hoje me resta de tudo que organizei há 8 anos atrás, vejo o quanto saber escolher um bom fotografo é importante. Nesse processo você vai escolher um profissional para registrar a materialização de todo planejamento e investimento que vocês fizeram. Meu vestido, a decoração, a música, maquiagem, e claro o delicioso buffet, tudo foi embora. O álbum foi a única lembrança de um dia que passou tão rápido, mas todos os segundos foram perfeitos e sem contar a experiência que é intransferível. Ter ele é poder sentir de novo um pouquinho daquele dia, e as vezes levanto pela manhã, pego meu álbum e passo as folhas, compartilhando esse momento com a pessoa que escolhi para passar o resto da minha vida.

Eu não contratei assessoria e cerimonial, não porque eu não quis ou porque estava com o orçamento apertado, mas sim porque eu nem sabia que existia esse tipo de serviço, pois na época esse tipo de oficio na região era escasso e não muito divulgado. Recomendo a todas as noivas, pois teria facilitado bastante a minha vida, tanto a assessoria visto que precisava muito saber de bons fornecedores, quanto de cerimonial já que me acabei tendo que ir atrás dos meus próprios padrinhos se quisessem que fossem fotografados (uma dor de cabeça, mas isso é assunto para outro post). Lembrando que a palavra de um cerimonial não é a de Deus, o que quero dizer com isso? O cerimonial diz: ” Você vai fechar com o fotógrafo fulano de tal”, e você responde: “sim Senhor”. Um bom cerimonial te dará pelo menos 3 opções de fotógrafos que ele confia, que tem um bom trabalho, e que encaixe dentro do seu orçamento. Você quem deve conversar com esses profissionais e analisar se o trabalhos deles está de acordo com o seu gosto e se vão suprir suas expectativas para criar um livro com suas lembranças.

Minha primeira frustração: o fotógrafo que queria não estava disponível na data do meu casamento, entrei em contato faltando 6 meses, e por este motivo sempre aconselho que procurem seus fornecedores com um ano de antecedência.

Eu não tinha pensado em um plano B (não tinha nem um outro fotógrafo em mente). Mudar a data na igreja não seria uma hipótese, porque foi difícil de agendar e eu não queria adiar mais. Conheci duas amigas que haviam casado recentemente e me indicaram o fotógrafo delas, e claro que não fechei logo de cara, primeiramente fui pessoalmente conferir o trabalho e amei o resultado, depois de algumas análises acabei fechando.

Hoje vejo como eu era ingênua, eu teria pesquisado bem mais, teria organizado e me informado sobre possíveis fornecedores. Não me arrependo da escolha que eu fiz, acredito que se casasse no ano de 2018, o meu fotógrafo estaria sim, na lista de fotógrafos favoritos.

Por vários motivos acabei escolhendo três fotógrafos para cada etapa, rsrsrs. Um para a prévia de casal, outro para ensaio de noiva(sozinha, vestida com o que casei) e outro para o casamento. Amo fotografia, acredito que isso não seria diferente.

ensaio de noiva foto: Aldenor Jr.

prévia de casal Fotos: Felipe Guimarães

Casamento Foto: Leonardo Carvalho

Lembrando que essas fotos foram feitas a mais de 8 anos atrás, com os anos a maioria dos profissionais procuram se reciclar e estudam mudando e adquirindo alguma peculiaridades e personalidades diferentes.

Pensando em vocês coloquei aqui alguns fotógrafos da região para inspiração.

Olhares

Lenni Luz

Rafael Benevides

Leonardo Carvalho

Aldenor Jr

Paulo Santana

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *